Quinta-feira, 3 de Abril de 2008

“Na escuridão”

 

Abri os olhos

Não te vi

Tudo me pareceu

Virar as costas,

Gritei, chamei por ti

Disse-te a palavra

Que mais gostas,

Uma luz se acendeu

E eu me aproximei

Por segundos apareceu

O caminho que desejei,

Eu te estendi a mão

E tu assopras-te,

A pequena luz

Que eu tinha

Até essa tu apagas-te.

Sozinho no escuro

Estava eu então

Por causa de ti

Tive uma desilusão,

No meio desta escuridão

Não sabia quem encontrar,

Fechei os olhos e sorri,

Vi que estava iluminado

Não por ti

Mas por quem,

Teve sempre ao meu lado

Não sei se estou feliz

Ou se estou descontrolado,

Mas vou manter assim

Até ser amado.

 


publicado por sentimentosdiversos às 02:33
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

.eu xou assim !!


. Meu perfil

. Faz de mim teu amigo

. 3 seguidores

badge

.Calendário

.relogio

.novos poemas

. “Na escuridão”

.contador

Efeitos Especiais

.livro de visitas

[Leia o livro] [Assine no livro]

.eu um pouco mais maguinho

.chat


Get your own Meez avatar! | Chat by xat.com

.tags

. todas as tags

.Enya - Final Fantasy IX

.Enya - China Roses